Notícias

< Volta para Notícias

Cesta básica de Porto Alegre custa quase metade do salário mínimo

05 de Abril de 2018 - Economia

Preço da banana subiu 7,13% em março

A cesta básica de Porto Alegre fechou o mês de março em R$ 434,70 – o valor representa 49,53% do salário mínimo. Com isso, para adquirir produtos básicos para alimentação, o porto-alegrense precisou trabalhar 100 horas e 15 minutos no período. Se consideramos a porcentagem do valor da cesta, o piso mínimo nacional deveria ser de de R$ 3.706,44 – quase quatro vezes mais do que o atual.

Seis produtos – dos 13 que compõem a cesta – aumentaram em março se comparado a fevereiro: banana (7,13%), leite (2,26%), farinha de trigo (1,93%), arroz (1,15%), manteiga (0,21%) e carne (0,04%). Os dados foram divulgados nesta quinta-feira pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

A batata – normalmente um dos alimentos mais caros – teve queda de 7,81% neste mês, seguida pelo açúcar (-5,60%), óleo de soja (-4,02%), café (-2,25%), tomate (-2,19%), feijão (-1,94%) e pão (-0,59%).

Após longo período com a cesta mais cara do País, esse é o segundo mês consecutivo que Porto Alegre fica em terceiro lugar no ranking das capitais – atrás de Rio de Janeiro (R$ 441,19) e São Paulo (R$ 437,84).

No País

Em março, o custo do conjunto de alimentos essenciais diminuiu em 12 capitais, segundo os dados da Pesquisa Nacional da Cesta Básica de Alimentos. As reduções mais expressivas ocorreram em Salvador (-4,07%), Recife (-3,82%) e Belém (-3,24%). As maiores taxas positivas foram registradas nas cidades de Campo Grande (2,60%) e Curitiba (2,22%).

A cesta mais cara foi a do Rio de Janeiro (R$ 441,19), seguida por São Paulo (R$ 437,84), Porto Alegre (R$ 434,70) e Florianópolis (R$ 426,79). Os menores valores médios foram observados em Salvador (R$ 322,88) e Aracaju (R$ 339,77).

Fonte: Correio do Povo


< Volta para Notícias

Notícias Relacionadas

  • 15/10/2018

    Estimativa de inflação sobe pela quinta vez e vai para 4,43% este ano

    Saiba mais
  • 15/10/2018

    Receita Federal paga o quinto lote de restituições do IR

    Saiba mais
  • 10/10/2018

    Mulheres ampliam a produtividade do trabalho, diz FMI

    Saiba mais
  • 10/10/2018

    Comportamento inadequado é principal obstáculo para contratar jovens, dizem recrutadores

    Saiba mais
  • 08/10/2018

    Brasil tem 7,9 milhões de pessoas vivendo em situação de pobreza

    Saiba mais
  • 08/10/2018

    Mercado financeiro eleva estimativa de inflação para 4,40%

    Saiba mais